RSS

Change of Family_Capítulo 02


Nicole entrou aos gritos no estúdio de Nicholas, onde ele trabalhava em seu mais novo projeto publicitário.
- Nós fomos selecionados! Nick, eu vou aparecer na TV! Nós poderíamos dar uma festa, não acha?
Mesmo que a vontade de comemorar com Nicole as duas semanas longe dela, Nicholas tentou controlar a “louca varrida” à sua frente, antes que ela acordasse Eduardo.
- Não, não acho. Nós não vamos dar festa nenhuma, Nicole. Eu também fico muito feliz por você ter o seu “tempo” tão desejado, mas isso não é motivo de festa. Além do mais, nós não temos dinheiro para fazer uma agora. Eu não estou conseguindo atingir o esperado pelo cliente, e essa campanha está absorvendo todo meu tempo.
- É claro que você não consegue criar nada... – sussurrou Nicole, frustrada – você é um incompetente.
Ignorando o comentário da esposa, Nicholas voltou ao trabalho.

O esperado dia da estreia de Change of Family finalmente chegou. Selena já estava com a mala pronta, esperando por David na sala de seu apartamento. Mas não teve que esperar muito, pois, alguns minutos depois, ele apareceu. E acompanhado por um estojo de veludo preto, típicos de caras joalherias.
- O que é isso? – indagou Selena intrigada.
- Um presentinho de despedida...
- Davi, eu só vou ficar duas semanas fora. Não é como se eu estivesse me mudando para o Japão!
- Um dia sem você já é muito tempo pra mim. – abriu o estojo, revelando uma gargantilha com alguns pingentes, dos quais se destacava uma pequena placa, coberta por pequenas pedrinhas de brilhantes – Gostou?
- Claro que sim, Davi! É linda! Mas... – após observar mais um pouco, Selena percebeu uma forma nos brilhantes – por que tem um “DH” em um dos pingentes?
- Para que o seu “marido-temporário” não se esqueça que você tem dono.
- Desculpe, não sabia que era sua propriedade. – disse, amargamente.
- Se você não sabia, imagine o outro. – se dirigiu às costas de Selena para colocar-lhe a joia no pescoço – Perfeito! Agora você está protegida.
- Por acaso eu não deveria pendurar um pendente com um “SG" no seu pescoço?
- Não seja ridícula, é claro que não! E mesmo que sim, seria um “SH", não um “SG". – friamente, afirmou – Vamos.

No estúdio, todos aguardavam ansiosamente Nicole arrastar as duas imensas malas. Pelo tamanho delas, parecia que ela iria se mudar de vez para a cobertura dos Henrie. Miley não apareceria no primeiro programa, mas estava com a amiga, que estava ansiosa, esperando a “surpresa” de Miley chegar.
Selena realmente se surpreendeu ao ver que a apresentadora do programa era Demetria, a terceira amiga que faltava para o “grupo” estar completo. E ficou incrédula ao saber que a foto do casal que estava sendo veiculada há tantos dias junto ao slogan do programa era de sua amiga e seu marido. “Como não pude reconhecê-la” – perguntava-se.
As amigas não puderam conversar muito, pois o programa, ao vivo, estava por começar. A gravação foi perfeita, mas os cameramen tiveram muito trabalho em capturar uma boa imagem em que Nicole não aparecesse acessando para a câmera.
A troca foi efetuada e cada novo “casal” seguiu para sua casa.
Ao passar pelo Mercedes de David, parado no estacionamento, Selena jogou a gargantilha pelo vidro traseiro, que se encontrava entreaberto.

Já no carro, Selena e Nicholas estavam mudos, e permaneceram assim por um bom tempo. E, quando resolveram falar, o fizeram ao mesmo tempo.
- Hoje o... – começaram a falar juntos, e juntos calaram-se – Desculpe. – pausa – Fale você primeiro. – pausa – Não, começa você. – pausa – Tudo bem... – e desistiram de falar novamente.
Tempos depois, ao pararem em um sinal longo, Nicholas soltou o volante e virou-se para Selena, com uma das mãos atrás das costas.
- Par ou ímpar?
- O quê?
- Você escolhe par ou ímpar?
- Não to entendendo...
- Prefere pedra, papel ou tesoura?
- Não! Pra que isso?
- Para decidirmos quem começa a falar, sem nos interrompermos.
- Mas você já começou. E eu não te interrompi.
- Ah, é...
O sinal abriu e Nicholas voltou a dirigir. O silêncio também voltou.
- Bom, já que você começou, podia continuar... – disse Selena, quebrando o silêncio novamente.
- Bom... hãn... Você tem filhos?
- Não...
- Por quê? Não gosta de crianças?
- Sim, mas o Dav não quer ter filhos. – deu de ombros – E você?
- Eu o quê? – Selena riu de sua distração e ele pensou que ela estava o achando bobo – Ah, se tenho filhos? Sim, quer dizer, filho. O Eduardo. – e engataram uma conversa como se já se conhecessem há anos.

Mas e daí que Selena já tivesse conquistado Nicholas? Qualquer adulto se encantaria com uma mulher tão doce, sensível, engraçada e inteligente como Selena. E linda, incluiu ele. Pensou bem, e decidiu que ela encantaria facilmente uma criança. Mas Edu... ele era diferente, admitiu mentalmente. Sempre que via alguém diferente na casa, fazia birra e seu humor mudava em segundos. Às vezes, tornava-se agressivo. E Nicholas temia a reação que seu filho poderia ter.
Ao chegarem a casa, Nicholas e Selena se depararam com Eduardo brincando na varanda com um homem enorme e loiro. Pareciam se divertir juntos. Ao se aproximarem da casa, o homem notou o movimento, e se levantou sorrindo. Nicholas fez as apresentações.
- Esse é o doutor Hemsworth, é o médico do Edu. E essa é... minha... bem, essa é a Selena.
- Muito prazer Selena – disse o médico, apertando a mão de Selly – mas esqueça essa apresentação do Nick. Sem o jaleco, eu sou apenas Liam. – e sorriu, simpático.
- Pois bem, então me chame de Selly, Liam. Por favor.
- Feito! – e apertaram as mãos novamente, como se decidido o futuro do mundo. Gargalharam em seguida, e Nicholas sentiu vontade de mandar Liam embora de sua casa. Mas fez o oposto.
- Liam, eu vou levar o Edu pra se preparar para dormir. Você faz companhia à Selena?
- Claro Nick. – e virou-se para Eduardo – A gente se vê na sua consulta amanhã, tá amigão? Não deixa seu pai babão esquecer, hein?
Nick entrou com seu filho para o banho tão necessário, e Liam e Selena continuaram conversando na varanda.
- Por que o médico do Edu está bancando a babá?
- Porque, antes de ser médico do Eduardo, sou amigo do Nick. E… - seu celular toca, e sua expressão se torna dura – Desculpe, Selly. É do hospital, eu preciso ir. Você se despede do Nick e do Edu por mim?
- Claro. Espero que não seja nada grave.
- Eu também. A gente se vê outro dia, né?
- Claro.
Agora sozinha, Selena não sabia o que fazer. Resolveu entrar e ver se Nicholas precisava de ajuda. Não demorou muito a encontrar o banheiro. Mas não percebeu que ele estava molhado pela brincadeira que Nick usou para distrair o filho durante o banho…
- Ni… - …e escorregou na água, sendo aparada por Nicholas, que se virou ao ouvi-la. Seus rostos ficaram próximos. Muito próximos.

Respondendo aos comentários:
Diéssi Konorath: Que bom que AMOU! =) Fico muito feliz, mesmo. Aqui está o segundo capítulo, espero que goste. Beijos… =*
Karen: Bom, nossos ciúmes passaram um pouquinho. Capítulo postado – com dois dias de atraso, mas está aqui. Beijos! =*
Kauana: Obrigada flor. Fico feliz por ter gostado. Continue comentando, sim? Beijinhos! =*

E a todos, desejamos boas férias! Beijos, DG, de R.B.D.

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

3 comentários:

Mylena.C.JonasBrothers disse...

OMG MUITO PERFEITO
POSTA LOGO !
Eu quero mais capítulos hein ? e bem rápido !
Beijos

Mylena.C.JonasBrothers disse...

Detalhe básico :
PRIMEIRA ↑

Kauana disse...

Lindo, Lindo, Lindo .
voce vem postar antes do natal aki né ?
se voce naao vem, ou eu nao vir, feliz natal, ano novo & boas festas :)
beijos, posta logo .

Postar um comentário